Esporte News

Bahia e Coritiba empatam em luta contra o rebaixamento

Em confronto direto contra a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, Bahia e Coritiba empataram em 1 a 1, na Arena Fonte Nova, em Salvador. Com o resultado, o time baiano chegou aos 31 pontos, na 11ª colocação. Já o Coxa, com 28 pontos, segue na penúltima colocação, na zona de rebaixamento.


O gol tricolor saiu aos 45 minutos do primeiro tempo, com Werley errando o recuo de bola para Wilson e entregando para Zé Rafael abrir a contagem. Depois do intervalo, Rildo, aos 18 minutos, apareceu na área para deixar tudo igual.

Na próxima rodada, o Bahia enfrenta o Palmeiras, quinta-feira, no Allianz Parque. Já o Coritiba encara o Corinthians, quarta-feira, na Arena Corinthians, em São Paulo.

O jogo – O Coxa começou a partida apostando no contra-ataque. Aos quatro minutos, Léo chegou no fundo e cruzou, mas ninguém aproveitou. Na sequência, Rildo foi travado na área e ficou pedindo a penalidade. O árbitro mandou o jogo seguir. Pressão alviverde e, aos sete minutos, Alan Santos recebeu de Tiago Real e chutou cruzado, para fora.

Depois da correria inicial, o ritmo caiu, com as ações mais restritas ao meio-campo. Aos 15 minutos, Rildo recebeu lançamento, tentou por cobertura, mas errou o alvo. Bela jogada aos 17 minutos, com Henrique Almeida tentando a bicicleta na entrada da área e parando em grande defesa de Jean. Aos 21 minutos, Rildo tirou a boa de Jean e foi derrubado na área. Pênalti não marcado.

Sem conseguir penetrar na área, Capixaba arriscou de longe, aos 27 minutos, por cima da meta. Aos 29 minutos, levantamento na área alviverde, Rodrigão desviou de cabeça e Wilson operou milagre na Fonte Nova. Aos 36 minutos, bola rolada para Rodrigão, que arrematou pela linha de fundo. Mas, aos 45 minutos, Werley tentou recuar de peito e entregou para Zé Rafael dividir do Wilson e abrir o placar.

Depois do intervalo, o Coxa voltou com Filigrana no lugar de Jonas. Porém, o Bahia é que pressionava. Aos três minutos, Mendoza partiu para a jogada individual, massa bola correu demais e ficou para Wilson. Aos 10 minutos, o colombiano dominou bem , ganhou da zaga coxa-branca, e bateu na trave.

O Coritiba tentava reagir, mas não conseguia encaixar os ataques. Aos 16 minutos, Galdezani fez o cruzamento, Rildo se esticou, mas não alcançou a bola. Mas, aos 18 minutos, levantamento na área e Rildo apareceu em velocidade para tocar na saída do goleiro e deixar tudo igual. Aos 27 minutos, Capixaba entrou na para e chutou com perigo.

Cobrança de falta na entrada da área alviverde, aos 31 minutos, e Juninho mandou por cima da meta. Sobra de bola para Edson aos 36 minutos, mas o domínio foi ruim e mais uma chance foi desperdiçada. O Coxa chegou mas uma vez, aos 39 minutos, com Anderson, que pegou rebote e isolou a bola. Aos 45 minutos, Fiigrana tentou encontrar Keirrison e a zaga se antecipou. Empate ruim para o Alviverde, mesmo fora de casa.

BAHIA 1 X 1 CORITIBA

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 30 de setembro de 2017, sábado
Horário: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (PE)
Assistentes: Clovis Amaral da Silva (PE) e Cleberson do Nascimento Leite (PE)
Cartões amarelos : Juninho e Tiago (Bahia); Leo, Carleto e Cleber Reis e Fiigrana (Coritiba)

Gols
BAHIA: Zé Rafael, aos 45 minutos do primeiro tempo
CORITIBA:Rildo, aos 18 minutos do segundo tempo

BAHIA: Jean; Everson, Tiago Martins, Tiago e Juninho Capixaba; Edson, Juninho, Zé Rafael , Vinícius (Regis) e Mendoza (Edgar Junio); Rodrigão
Técnico: Preto Casagrande

CORITIBA: Wilson; Léo, Werley, Cléber Reis e Carleto; Alan Santos, Jonas, Matheus Galdezani e Tiago Real (Anderson); Rildo e Henrique Almeida (Keirrison).
Técnico: Marcelo Oliveira

G.Esportiva