Esporte News

Evandro e André conquista inédito título mundial na Áustria

Foi um dia história para o Brasil. Para Evandro, para André. Neste domingo (6), a dupla escreveu seu nome na história do vôlei de praia ao conquistar o título do Campeonato Mundial de vôlei de praia.


A arena estava lotada com cerca de 10 mil torcedores austríacos. Do outro lado da rede, dois jogadores que estavam em casa: os favoritos Clemens Dopller/Alexander Horst, ambos da Áustria. Nada disso intimidou. Convincentes, Evandro e André colocaram a medalha dourada no peito após vencerem por 2 sets a 0, com parciais de 23/21 e 22/20. Foi o primeiro título mundial tanto de André, como Evandro, que se juntaram no início deste ano e nunca haviam competido juntos.

"Obrigado Viena, obrigado a todos. Estou feliz, suas semanas aqui foram muito boas, obrigado ao meu parceiro e a toda minha equipe", disse o jovem André, que tem apenas 22 anos e não segurou a emoção.

O jogo

O jogo começou bem para os brasileiros, que mostrou superioridade principalmente com os bons saques do carioca Evandro. Num ace, o Brasil abriu 2/0. Os austríacos não ficaram intimidades e conseguiram a virada em pouco tempo. Com o apoio da torcida, Doppler e Horst chegaram a abrir 7/4 mas, após um lindo bloqueio de Evandro em Doppler, o Brasil acordou e ganhou força.

Não demorou para a dupla brasileira virar o jogo. Em dois bloqueios seguidos de André, o Brasil abriu vantagem de três pontos (13/10). Quando o set parecia resolvido, os austríacos reagiram novamente, virando para 15/14 num ace de Doppler. Confiantes, os austríacos viram a chance de vencer o primeiro set desmoronar, com três aces seguidos de Evandro: 20/20. O ponto da vitória por 23/21 veio após um erro de recepção de Doppler, que pegou mal na bola.

No segundo set, os brasileiros largaram na frente, contaram com erro de saque de Horst e, sempre à frente do placar, só precisaram administrar o resultado. No match point, Doppler errou na hora de sacar: 20/19. O título foi coroado com um bloqueio espetacular de André: 22/20.

Essa foi a sétima vez na história que o Brasil conquistou um título masculino do Campeonato Mundial de vôlei de praia.

Correio24