Esporte News

Dupla Ba-Vi decide não acatar recomendação do MP-BA sobre torcida única

Os próximos clássicos entre Bahia e Vitória vão contar com as duas torcidas dentro dos estádios. Na noite da última segunda-feira (24), os clubes, em nota conjunta, se mostraram contrários ao pedido do Ministério Público da Bahia (MP-BA) para que as partidas fossem realizadas com torcida única.

"Os clubes respeitam o posicionamento do MP, mas já haviam externado sua discordância através de notas oficiais individuais na semana retrasada e em diversas reuniões com o próprio órgão, com a Federação Bahiana de Futebol e com a Polícia Militar do Estado da Bahia", declarou o comunicado.

Os clubes se estenderam com o argumento de unir ainda mais as duas torcidas. "Em vez de torcida única, defendemos a convivência das duas torcidas cada vez mais juntas, em paz, tendo inclusive promovido o retorno da tão saudosa e festejada torcida mista no último clássico do Campeonato Baiano, sem nenhuma ocorrência de conflito por conta de suas camisas, nas dependências do estádio".

O pedido do órgão se deu após o Ba-Vi realizado no dia 9 de março, quando o jovem Carlos Henrique de Deus, que tinha 17 anos, foi assassinado nas proximidades da Arena Fonte Nova. Tricolores e rubro-negros voltam a se enfrentar em campo na próxima quinta-feira (27), às 20h30, no Barradão, pela primeira partida das semifinais da Copa do Nordeste

BNoticias