Esporte News

Real Madrid vence o Kashima na prorrogação e leva o Mundial

Uma vitória do Kashima Antlers sobre o Real Madrid seria uma das maiores surpresas da história do futebol. Mas não ficou assim tão longe de acontecer. Os japoneses chegaram a estar na frente do placar na final do Mundial de Clubes em Yokohama, neste domingo, forçaram a prorrogação diante de um time muito mais poderoso, mas não resistiram e acabaram sendo derrotados por 4 a 2.

No início do confronto, tudo parecia se encaminhar para mais um jogo de vitória larga dos espanhois. Logo nos minutos iniciais, o time já vencia o duelo. No entanto, um relaxamento permitiu que o Kashima crescesse na partida, e com isso veio o choque: um gol de empate no final do primeiro tempo e o da virada no começo do segundo.

Um pênalti salvou a equipe do técnico Zidane do que seria um homérico vexame, e a prorrogação precisou ser jogada, até que os espanhois finalmente atuaram como de costume e anotaram mais dois gols, que selaram o desfecho do jogo.

Cristiano Ronaldo marcou três vezes, duas delas já no tempo extra, e Benzema anotou o outro tento merengue na partida. Shibasaki foi o autor dos dois impressionantes gols do time anfitrião.

O Real Madrid, com o triunfo, vence o Mundial de Clubes pela segunda vez no novo modelo da Fifa, que existe desde 2005. A outra conquista havia sido em 2014, diante do San Lorenzo. Contando os duelos do modelo anterior, da extinta Copa Intercontinental, este foi o quinto título merengue.

FICHA TÉCNICA
REAL MADRID-ESP 4 X 2 KASHIMA ANTLERS-JAP

Local: Estádio Internacional de Yokohama, em Yokohama (Japão)
Data: 18 de dezembro de 2016, domingo
Horário: 8h30 (de Brasília)
Árbitro: Janny Sikazwe (Zâmbia)
Assistentes: Jerson dos Santos (Angola) e Viktor Kassai (Hungria)

Cartões amarelos: Casemiro, Carvajal e Sergio Ramos (Real Madrid); Yamamoto e Fabrício (Kashima Antlers)

Gols: REAL MADRID: Benzema, aos nove minutos do primeiro e Cristiano Ronaldo, aos 15 do segundo tempo e aos oito e aos 13 minutos do primeiro tempo da prorrogação;
KASHIMA ANTLERS: Shibasaki, aos 44 minutos do primeiro e aos sete minutos do segundo tempo.

REAL MADRID: Keylor Navas, Daniel Carvajal, Raphael Varane, Sergio Ramos (Nacho) e Marcelo; Casemiro, Toni Kroos, Luka Módric (Kovacic) e Lucas Vazquez (Isco); Cristiano Ronaldo (Morata) e Karim Benzema
Técnico: Zinedine Zidane

KASHIMA ANTLERS: Hitoshi Sogahata, Gen Shoji, Naomichi Ueda e Shuto Yamamoto; Shoma, Atsutaka Nakamura, Mitsuo Ogasawara (Fabrício), Gaku Shibasaki e Yasushi Endo (Ito); Daigo Doi (Suzuki) e Mu (Akasaki)
Técnico: Masatada Ishi