Esporte News

Vitória bate Atlético-PR e sai da zona de rebaixamento

O Vitória venceu o Atlético-PR neste domingo e conseguiu deixar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O Leão venceu o Furacão por 3 a 2 e passou o Internacional e o Coritiba, chegando à 15ª posição da tabela.

O Vitória acendeu as esperanças da torcida aos quatro minutos de jogo ao abrir o placar com uma jogada individual de Marinho. O camisa 7 arriscou um chute, recuperou a sobra da bola e chutou no canto direito de Weverton sem chances de defesa.

No entanto, os avanços do Atlético-PR não passaram despercebidos. Aos 29 minutos de jogo, Lucas Fernandes invadiu a área e tocou para Pablo, que igualou o placar aproveitando o mal posicionamento de Fernando Miguel. O mesmo Pablo virou a partida ainda no primeiro tempo, quando aos 42 minutos recebeu a bola sozinho na área e tocou com categoria por cima do goleiro do Vitória.

Enquanto deixavam o campo sob vaias da torcida, Marinho e Victor Ramos tiveram um desentendimento e trocaram empurrões, sendo separados pelo técnico Argel Fucks e companheiros de time.

O segundo tempo começou com pressão do rubro-negro baiano, que buscava reverter o placar e melhorar a situação no Brasileirão. No entanto, as tentativas eram barradas pela defesa atleticana. Aos 22 minutos, David recebeu um passe de Marinho na pequena área e conseguiu igualar a partida.

Marinho virou a partida para o Vitória aos 36 minutos quando recebeu a bola na entrada da área e mandou para o gol de Weverton. Com o resultado, o Vitória deixou a zona de rebaixamento a quatro rodadas do fim do Brasileirão.

FICHA TÉCNICA
Vitória 3 x 2 Atlético-PR
Campeonato Brasileiro - 34ª rodada
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data: 06 de novembro de 2016, domingo
Horário: 16h (de Salvador)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (PE)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises (RJ) e Marcelino Castro de Nazare (PE)
Cartões amarelos: Marinho, Victor Ramos (Vitória), Nikão (Atlético-PR)
Gols: Marinho (2), David (Vitória); Pablo (2) (Atlético-PR)

Vitória:Fernando Miguel, Diego Renan, Kanu, Victor Ramos e Euller (Diogo Mateus); José Welison, Willian Farias e Flávio (Cárdenas); Marinho. Zé Love (David) e Kieza. Técnico: Argel Fucks

Atlético-PR: Weverton; Léo, Paulo André, Marcão e Nicolas (Sidcley); Otávio (David), Hernani, Lucho González, Lucas Fernandes (João Pedro) e Nikão; Pablo. Técnico: Paulo Autuori

BNoticias