Esporte News

Flu de Feira vence o Ceilândia e garante vaga na próxima fase

Com o retorno do zagueiro Igor e do meia-atacante Rafael Granja o Fluminense de Feira encarou na tarde deste sábado (20) a equipe do Ceilândia, pela partida de volta das oitavas-de-final do Campeonato Brasileiro da Série D.

Flu de Feira vence o Ceilândia


O confronto aconteceu no Estádio Abadião, no Distrito Federal. Nos 90 minutos, o Touro do Sertão conseguiu vencer por 1 a 0, com gol marcado pelo atacante João Neto, aniversariante deste domingo. A decisão foi para os pênaltis já que o placar agregado das partidas terminou em 1 a 1. Nas penalidades, o Fluminense de Feira foi mais competente e venceu por 4 a 3.

O time feirense enfrenta na próxima fase o vencedor de Anápolis (GO) e Volta Redonda (RJ). No primeiro jogo o Volta venceu a equipe goiana por 2 a 1. Os dois voltam a se enfrentar neste domingo (21) no Rio de Janeiro.

O jogo

A equipe do Ceilândia montou uma proposta de segurar o resultado para conseguir assim a classificação, porém o Fluminense de Feira não tomou conhecimento do adversário e partiu para cima em busca do resultado positivo. Aos 19 minutos do primeiro tempo o Touro do Sertão teve sua primeira boa oportunidade depois de um chute forte do meia-atacante Rafael Granja, o goleiro Artur realizou uma grande defesa.

Bem postado em campo, a equipe baiana tentava de todo modo furar o bloqueio da defesa do Ceilândia. O meia Bruninho teve uma grande chance após boa jogada de Rafael Granja que tocou para o lateral esquerdo Deca e após cruzamento por pouco Bruninho não marcava o primeiro do jogo.

Aos 30 minutos o árbitro Anderson Daronco fez uma parada técnica para hidratação dos jogadores momento favorável para o Ceilândia que respirou na partida. A equipe candanga teve uma grande oportunidade após um cruzamento. O jogador Felipe perdeu a chance com o gol aberto. Logo em seguida foi a vez do volante Baiano, de bola parada, assustar o arqueiro Jair. Após a cobrança, a bola encontrou o travessão.

Porém, a resposta do Flu de Feira veio com um contra-ataque rápido. Bruninho tentou o passe para Rafael Granja, mas o meia perdeu o tempo da bola. Final de primeiro tempo e o placar permaneceu em 0 a 0.

Segundo tempo

Na volta para o segundo tempo o Flu de Feira continuou buscando surpreender a defesa da equipe do Ceilândia, mas o setor defensivo do time alvinegro estava bem no jogo. O técnico Betinho foi para o tudo ou nada colocando em campo os atacantes João Neto e Etinho e reforçou o meio de campo com a entrada do volante Dimas.

Para piorar a situação do Touro do Sertão, o zagueiro Igor foi expulso após fazer a falta no jogador do Ceilândia. Como era o último homem da defesa, o árbitro Anderson Daronco aplicou o cartão vermelho.

Mesmo assim o Flu de Feira não desistiu e quase abriu o placar com uma bola chutada do meio campo. Por pouco Rafael Granja não pegava o goleiro Artur desprevenido e marcava um golaço no estádio Abadião.

Quando tudo parecia perdido, nos acréscimos brilhou a estrela do atacante João Neto, que fez a diferença e marcou o gol do Fluminense de Feira. Eram decorridos 48 minutos do segundo tempo. Com o gol, a decisão foi para as cobranças de penalidades.

Pênaltis

Nas penalidades, o Flu de Feira mostrou competência e venceu o Ceilandia por 4 a 3, das cinco cobranças do Touro do Sertão apenas o atacante Josi desperdiçou a cobrança. Do lado do Ceilândia, os jogadores Felipe e Gilvan não conseguiram marcar. Na cobrança do atacante Felipe o arqueiro Jair conseguiu defender o pênalti abrindo assim o caminho da vitória para o time feirense.

Ceilândia x Fluminense de Feira

Campeonato Brasileiro da Série D

Local - Estádio Abadião, em Ceilândia (Distrito Federal)

Data - 20/08/2016

Horário - 15h30

Árbitro - Anderson Daronco (FIFA-RS)

Auxiliares - Rafael da Silva Alves e Elio Nepomuceno de Andrade Junior ambos do Rio Grande do Sul.

Ceilândia - Artur, Gabriel, Elivelton, Vitão, Badhiuga, Baiano, Felipe, Didão, William (Formiga), Clécio e Gilvan. Técnico: Adelson Almeida.

Fluminense - Jair, Edson, Igor (expulso), Paulo Paraíba, Deca, Fausto (João Neto), Flavio (Dimas), Bruninho (João Neto), Rafael Granja e Josi. Técnico: Betinho.

Folha do estado