Esporte News

Bahia é goleado em 6 a 1 pelo Orlando City em amistoso

A noite era para ser festa do Bahia, mas se transformou na celebração de outro brasileiro: Kaká. De inesquecível a noite para ser esquecida, de festança a goleada. Neste sábado, em amistoso disputado no estádio Orlando Citrus Bowl, o meia liderou o Orlando City na goleada por 6 a 1 sobre o Bahia - em amistoso, é bom lembrar. Para o Tricolor baiano, marcou a festa e a tentativa de fortalecimento de marca no mercado internacional.

Bahia é goleado em 6 a 1 pelo Orlando City

A festa ficou no pré-jogo: teve robozão em campo, Claudia Leitte passeando pelo gramado e muita camisa tricolor pelas arquibancadas. Quando a bola rolou, holofotes brevemente voltados para o Bahia, antes do primeiro minuto: gol de Zé Roberto. Mas parou por aí - e como parou! No último amistoso realizado antes de iniciar a temporada, o Orlando levou o jogo a sério e se aproveitou das dificuldades demonstradas pelo Bahia, que parecia ter a bola queimando nos pés. Em ótima forma, o capitão Kaká foi destaque, dominou as ações e levou o Orlando a apresentar um futebol envolvente – com direito a quatro assistências para os quatro gols de Seb Hines. Pedro Ribeiro e Darwin Céren fizeram os outros dois gols do time americano.

O Bahia volta a campo já na quarta-feira, quando enfrenta o Confiança no Batistão, pela 4ª rodada da Copa do Nordeste. No domingo seguinte, tem Baianão: fora de casa, o Tricolor pega o Bahia de Feira. Na quarta-feira, dia 9 de março, o dia polêmico: o Bahia tem dois jogos agendados para o mesmo horário. Às 21h45, enfrenta o Galícia pelo estadual, na Arena Fonte Nova, e o Juazeirense pelo torneio regional, em Juazeiro.

FICHA TÉCNICA
Orlando City x Bahia
Amistoso internacional
Local: Estádio Citrus Bowl, em Orlando (FL)
Data: 27/02/2016
Horário: 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Ted Unkel
Assistentes: Kevin Klinger e Matthew Miscannon
Gols: Zé Roberto, Hines (3x)
Cartão Amarelo: Rafael Ramos, Rômulo

Orlando City: Bendik; Shea, Mateos, Hines e Rafael Ramos; Carrasco, Cerén, Molino (Winter) e Pedro Ribeiro; Kaká e Larin. Técnico: Adrian Heath

Bahia: Marcelo Lomba (Jean), Hayner, Gustavo (Robson), Dedé e Moisés (João Paulo (Tinga)); Yuri (Danilo Pires), Paulo Roberto (Juninho) e Rômulo; Luisinho, Hernane (Cristiano) e Zé Roberto. Técnico: Doriva.