Esporte News

Vitória inicia busca pela taça hoje contra o Jacuipense

Hora de vestir os uniformes, arregaçar as mangas e ir à luta. Hoje, o Vitória faz o seu primeiro jogo oficial no ano, contra o Jacuipense, na abertura do Campeonato Baiano. A partida começa às 16h, no Barradão.

Sem levantar a taça desde 2013, o rubro-negro tem a missão de voltar a soltar o grito da garganta. E mais: impedir que seu maior rival, o Bahia, conquiste o tricampeonato.  

“É obrigação chegar na final, como é obrigação do Bahia também. Ganhar o título, aí é uma questão da competência, mas é óbvio que a gente fala em título. Embora seja rival, respeitamos o Bahia, mas o Vitória tem que se impor e não pode deixar que o Bahia chegue ao tri”, analisa o técnico Vagner Mancini.

Vitória inicia busca pela taça hoje contra o Jacuipense

O Vitória está fora da Copa do Nordeste e só tem o Baiano para jogar até março, quando começa a Copa do Brasil. Ontem, na véspera da estreia, Mancini treinou, exaustivamente, as jogadas de bola parada e, no coletivo tático, fazia pausas com frequência para ajustar o time.

Para dar o pontapé inicial rumo ao título, o Leão preparou uma festa para o torcedor. Antes da bola rolar, o grupo de dança Fit Dance mostrará as coreografias do Verão e haverá apresentação do projeto Arena Barradão, que prevê a reforma do estádio, com cadeiras e área coberta - ainda não há previsão para o início das obras. No intervalo, os rubro-negros assistirão ao time de futebol americano do Leão.

A festa já está toda armada e  o mesmo pode-se dizer do time que irá a campo. Na equipe que enfrentou o time chinês Tianjin Quanjian no amistoso de terça, apenas uma mudança. “A única dúvida que eu tinha era se o time entraria com Marinho ou Gabriel. Optei pelo Marinho. Fez a parte física no Cruzeiro, então não há razão de deixar de fora. Teve pouco tempo com os demais, mas a vontade de chegar e jogar é muito grande”, explica o treinador Vagner Mancini.

Com a sinceridade habitual, Mancini admite: escalou Marinho logo de cara porque, além do atleta ter qualidade, a carência no setor ainda é muito grande. “A escolha do Marinho foi em função dessa ausência de atacantes no elenco. Vi um time jogando na terça que tem que ter mais ação ofensiva, ser mais agressivo. Tivemos muito a bola, mas faltou um pouco ser mais agressivo, mais atuante, entrar na área e finalizar. Quero o Vitória incomodando mais a defesa adversária, por isso a entrada dele”, admite.

Embora conte com Rafaelson no elenco, o treinador seguirá sem utilizar um centroavante. De acordo com Mancini, o garoto será testado ao decorrer do estadual para ganhar experiência, mas ainda precisa amadurecer para assumir a camisa 9.

Apesar de ter o luxo de fazer escolhas na montagem do time titular, já que todos os jogadores do elenco foram regularizados e estão aptos a atuar, o comandante rubro-negro também tem problemas. O meia Leandro Domingues treina com o grupo, mas ainda aprimora a forma física e só deve estrear na terceira rodada, contra o Jacobina, dia 21 de fevereiro. 

Além dele, Mancini não pode contar com Robert e Norberto, que recuperam a forma após se curarem de lesões. 

Regulamento 

O Vitória está no Grupo 1 com Bahia de Feira, Colo-Colo, Flamengo de Guanambi, Galícia e Juazeirense. Os times do Grupo 1 enfrentam os times do Grupo 2, que é composto por  Bahia, Feirense, Fluminense de Feira, Jacobina, Jacuipense e Vitória da Conquista.

Os oito clubes melhores colocados na classificação geral avançam para a segunda fase, quando começa o mata-mata, com jogos de ida e volta. Destas oito equipes, quatro decidem, também em esquema mata-mata, os finalistas da competição. O campeão baiano de 2016 será conhecido após as finais realizadas nos dias 24 de abril e 8 de maio.

Torcedor que levar doações para o Barradão pagará meia-entrada
Ainda dá tempo de adquirir ingressos para Vitória x Jacuipense. Os bilhetes para a arquibancada custam R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia) e na cadeira o valor sobe para R$ 60/R$ 30. O Vitória exigirá comprovante de meia.

No entanto, o torcedor que doar 1 kg de alimento, ou água mineral, leite, fralda ou material de higiene pessoal terá 50% de desconto no valor do ingresso. As doações serão encaminhadas para a prefeitura de Riachão de Jacuípe, onde mais de 3 mil pessoas ficaram desabrigadas por causa das fortes chuvas que atingiram a cidade.Os ingressos estão à venda no Barradão, a partir das 9h.

Fonte: C24