Esporte News

Ceará desiste e Bahia fica com a vaga na Copa Sul-Americana

Após idas e vindas, o Bahia está garantido na Copa Sul-Americana. Nesta terça-feira, o Ceará, que na última semana havia conseguido uma liminar para disputar a competição simultaneamente com a Copa do Brasil, desistiu do processo e, consequentemente, da vaga no torneio internacional. A informação foi confirmada pelo presidente da Federação Bahiana de Futebol (FBF), Ednaldo Rodrigues, ao GloboEsporte.com. Desta forma, o Tricolor baiano será o adversário do Sport na primeira fase, com partidas marcadas para os dias 19 e 26 deste mês, na Arena Fonte Nova e na Ilha do Retiro, respectivamente.

Ceará desiste e Bahia fica com a vaga na Copa Sul-Americana

O Ceará ganhou o direito de disputar a Sul-Americana por ter sido campeão da Copa do Nordeste deste ano. Em maio, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) expediu um ofício no qual determinava que o Alvinegro não poderia disputar o torneio internacional caso avançasse para as oitavas de final da Copa do Brasil, o que terminou por ocorrer. O Bahia, como vice-campeão do Nordeste e eliminado da Copa do Brasil, herdou a vaga. Insatisfeita, a direção do Vovô entrou com um processo junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva e ganhou uma liminar na qual garantia participação na Sul-Americana. A CBF e a FBF recorreram, e um novo julgamento estava marcado para sexta-feira.

- A Federação foi bastante contundente. Pedíamos sanções ao Ceará, inclusive a possibilidade de suspensão de competição, porque entendemos que o Ceará estava litigando de má fé. Eles já tinham consultado a CBF e sabiam que, se passassem de fase na Copa do Brasil, estariam fora da Sul-Americana. Nossa advogada entrou com a ação, baseando-se na punição prevista no artigo 221 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva). Em decorrência disso tudo, o Ceará alegou, dizendo que não tinha condições de disputar as competições ao mesmo tempo. Por isso, o Bahia não corre o risco de ficar fora da Sul-Americana. Mas o Ceará ainda pode sofrer alguma sanção - disse Ednaldo Rodrigues ao GloboEsporte.com.

Em contato com a equipe de reportagem, o diretor jurídico do Ceará, Guilherme Magalhães, afirmou que, após conversa com a CBF, o clube cearense reconheceu que não há datas para a disputa de três competições ao mesmo tempo. Entretanto, ele deixou a decisão sobre a participação do Vozão na Sul-Americana a cargo da entidade máxima do futebol.

- O Ceará entrou com o pedido pelo mandado de garantia para assegurar que a vaga era do Ceará, e o Supremo Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) se manifestou favorável ao Ceará, da disputa concomitante da Copa do Brasil e da Sul-Americana. Porém, depois de conversas com a CBF, o clube reconheceu que não há datas disponíveis para disputar três competições. Então, a decisão fica com a CBF. Se a entidade entender que o Ceará deverá participar, ele poderá participar - afirmou Magalhães ao site Globo Esporte.

Lanterna da Série B, o Ceará terá pela frente na Copa do Brasil o São Paulo. O primeiro confronto será realizado no Morumbi, no dia 20 deste mês, e o segundo está marcado para o dia 26, no Castelão.

Globoesportes