Esporte News

CBF vai assumir taxas de arbitragem da Série D 2015

CBF vai assumir taxas de arbitragem da Série D 2015
Na expectativa pela divulgação da tabela e dos grupos da Série D do Campeonato Brasileiro, isso faltando pouco mais de dois meses para o início da competição, os clubes da última divisão do país receberam uma boa notícia da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) no final de semana.

É que a entidade, através de seu site oficial, garantiu que na edição 2015 do certame vai bancar os custos com a arbitragem, taxas antes de responsabilidade dos clubes.

– A CBF assume mais uma obrigação, e os clubes ficam livres de mais uma despesa, o que servirá de alento para a saúde financeira, principalmente daqueles de menor porte espalhados por todo o Brasil – comentou o diretor de Desenvolvimento e Projetos da entidade, André Pitta Pires.

De acordo com a Confederação, serão 100 oficiais de arbitragem que participarão dos jogos por semana.

Tomando como parâmetro os boletins financeiros dos jogos da primeira rodada da Série D 2014, os clubes mandantes, juntos, desembolsaram R$ 47.259,00. Esse montante, a partir de 2015, será de responsabilidade da CBF.

Trazendo os cálculos para o representante paraibano na quarta divisão do ano passado, nos quatro jogos como mandante, o Campinense teve um custo total de R$ 9.746,00, uma média de R$ 2.436, 50 por partida.

Colo Colo e Jacuipense serão os representantes da Bahia na competição.

CBF