Esporte News

Musa do tricolor se defende após ataques: Sou Bahia, não vou renunciar

Musa do tricolor se defende após ataques: Sou Bahia, não vou renunciar
Após ser xingada por centenas de torcedores nas redes sociais por conta de uma postagem antiga, quando se recusou a vestir a camisa do Bahia, a musa do Esquadrão no Campeonato Baiano resolveu se pronunciar. Em entrevista site Galáticos Online, Carla Havashy se defendeu, e atribuiu a foto postada com a camisa do Flamengo à influência de um ex-namorado.

“Eu nem imaginava que essa foto ainda existia. Tinha um namorado que torcia para o Flamengo, e por isso assistia os jogos, mas depois que a gente terminou a camisa foi junto” explicou.

Criticada por que não poderia ser musa do clube sem ser torcedora, Carla explicou ainda que hoje é adepta do Esquadrão, o que ainda não era realidade quando a polêmica foto foi postada. A garota reconheceu que corre risco de perder o posto de musa, mas afirmou que não vai renunciar.

 "Nunca tive muito gosto por futebol, mas depois de muito tempo comecei a gostar do Bahia. Fui convidada para participar do concurso, por que hoje sou torcedora do Bahia. Pergunte se alguém já me viu em arquibancada torcendo para o Flamengo, como faço pelo Bahia. Podem até me tirar do cargo de musa mas não vou renunciar por que sei que sou Bahia”, avisou.

Para não deixar dúvidas sobre o time que torce, a musa tricolor disse ainda que apesar de ser baiana nem conhece o hino do maior rival tricolor, o Vitória.

"Nunca fui fanática por futebol e realmente nem tinha camisa do Bahia. Mas para se ter uma idéia eu nem sei como é o hino do Vitória, só o do Bahia”, declarou.

Galaticos