Esporte News

Brasil confirma favoritismo, bate China e fica perto da semifinal

 O Brasil está muito perto de se tornar semifinalista do Mundial de vôlei feminino. Nesta quarta-feira, em Milão, a equipe de José Roberto Guimarães passou com tranquilidade pela China e venceu por 3 a 0, parciais de 25-19, 25-16 e 25-15.

Brasil confirma favoritismo, bate China e fica perto da semifinal

Antes deste duelo contra o Brasil, as chinesas só haviam sido derrotadas uma vez no Mundial, para a Itália na última rodada do segundo set.

A equipe brasileira não precisa nem ganhar mais jogos para seguir para a semifinal. Se levar seu próximo duelo, contra República Dominicana, para o tie-break, o time já estará garantido na parte final do torneio.

A seleção poderá até estar classificada quando entrar na quadra na sexta-feira caso as dominicanas vençam ao menos um set no jogo contra a China nesta quinta-feira. Se isso acontecer, o último duelo, na sexta-feira às 12h30 (horário de Brasília), valerá apenas a liderança da chave, que dá o direito de enfrentar o segundo colocado do outro grupo.

O duelo entre República Dominicana e China acontecerá na próxima quinta-feira, dia de descanso para a seleção brasileira.

Uol