Esporte News

Vitória joga mal e perde para o Cruzeiro

No primeiro tempo, até que o esquema com quatro volantes, montado por Jorginho, deu certo. Mas, no segundo tempo, o Vitória não suportou a pressão e contou com falhas do sistema defensivo para permitir o triunfo do Cruzeiro por 3 a 1, no Mineirão, nesta quinta-feira (17).

Alemão, contra, Ricardo Goulart e Everton Ribeiro marcaram os gols do time mineiro, todos na etapa final. Ayrton, de falta, descontou.

A Raposa foi aos 22 pontos e se isolou na liderança da Série A. Já o Leão, com a derrota, caiu uma posição e terminou a rodada na vice-lanterna da competição, com sete pontos ganhos e à frente apenas do Flamengo. O Rubro-Negro volta a campo no próximo domingo (20), quando reencontrará a torcida e o Barradão diante do Corinthians.

O JOGO

Como o torcedor já esperava, o Vitória começou a partida com a proposta de não tomar gols. O resultado foi um domínio e uma pressão do Cruzeiro durante todo o primeiro tempo.

Logo aos cinco minutos, Wilson teve trabalho. Após cobrança de escanteio, Marcelo Moreno desviou de cabeça e o goleiro fez grande defesa.

Dez minutos depois, a dupla ex-Vitória assustou novamente. Marquinhos fez cruzamento na medida e Moreno, livre, cabeceou para fora.

Aos 36, o time mineiro ainda teve mais uma boa chance. Everton Ribeiro recebeu bola na área, chutou forte e Ayrton colocou o corpo na frente para evitar o gol.

SEGUNDO-TEMPO

Mesmo com a postura defensiva na primeira etapa, o Rubro-negro voltou para o segundo tempo com a mesma formação.

Mas, se o Cruzeiro não conseguiu furar o bloqueio, o Vitória tratou de ajudar. Após bola lançada na área aos 17 minutos, Alemão desviou de cabeça para o próprio gol para fazer contra.

Com o gol sofrido, Jorginho mudou o esquema tático e fez a primeira alteração. Vander entrou no lugar de Richarlyson.

Mas, aos 27, mais uma falha da defesa. Após cruzamento da direita, Wilson saiu mal do gol e Ricardo Goulart, entre Kadu e Tarracha, subiu livre para fazer de cabeça o segundo.

Logo em seguida, Jorginho fez mais uma mudança. Desta vez, Willie entrou no lugar de Caio. Mas, não demorou e Everton Ribeiro recebeu lançamento na área e, com categoria, tocou no canto de Wilson para abrir a goleada.

Mas, no último minuto, numa bela cobrança de falta, Ayrton marcou o gol de honra e evitou a goleada fora de casa.

CRUZEIRO 3 X 1 VITÓRIA
Série A - 10ª rodada

Local: Estádio Mineirão, às 21h
Data: 17 de julho de 2014
Arbitragem: Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ), assistido por Rodrigo F. Henrique Corrêa (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ)
Cartões amarelos: Richarlyson, Alemão, José Welison (VIT)
Gols: Alemão – contra, Ricardo Goulart, Everton Ribeiro (CRU); Ayrton (VIT)

CRUZEIRO
Fábio; Ceará, Manoel, Léo e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Éverton Ribeiro (Tinga), Ricardo Goulart e Marquinhos (Dagoberto); Marcelo Moreno (Julio Batista).

VITÓRIA
Wilson; Ayrton, Kadu, Alemão e Danilo Tarracha; Adriano, Josa, José Welison e Richarlyson (Vander); Caio (Willie) e Dinei. Técnico: Jorginho.

Galaticos