Esporte News

Goleiro Lomba falha, Bahia perde e entra na zona

Marquinhos Santos surpreendeu a todos antes da bola rolar. Com relação ao time que perdeu para o Corinthians, no meio da semana, foram seis modificações. Além disso, a estrutura tática também não foi mantida. Fahel saiu e entrou Branquinho, o que desfez o esquema usado anteriormente com três volantes.

As substituições feitas pelo comandante tricolor, pelo menos no início do jogo, surtiram efeito. Com a marcação avançada, sem dar espaço aos principais atletas do time gaúcho, o esquadrão deu as primeiras coordenadas na Arena Fonte Nova. Com menos de 15 minutos, em dois lances, a defesa do Inter chegou atrasada e por pouco não pagou o pato.

Kieza, na primeira, tentou o driblea ao invés da finalização e foi desarmado. Logo depois, em cruzamento para área, Titi subiu sem marcação e cabeceou para fora. Apesar da iniciativa, aos 13, o Bahia levou um grande susto. O lateral-esquerdo Fabrício cruzou e a defesa cortou errado. Na volta, o próprio camisa 6 finalizou de perna direita e levou perigo ao goleiro Marcelo Lomba. Aos 22, de novo pela esquerda, o colorado chegou ao ataque. Alan Patrick cruzou e Pará furou. Na sequência, Alex finalizou e a defesa tirou.

O jogo caiu muito de produção, com times errando passes e excessiva quantidade de faltas.
Somente com o Bahia, aos 32 minutos, a partida em Salvador ganhou mais energia. Branquinho cobrou falta para grande área e Adailton tocou para o meio. Uellinton, na marca do pênalti, bateu alto e tirou tinta da trave.

No minuto seguinte, de fora da área, Branquinho finalizou no meio do gol e Dida fez a primeira importante defesa, no último lance antes do
intervalo

Segundo tempo

O Bahia voltou para o segundo tempo em busca do gol. Logo aos 5, Branquinho finalmente acertou um passe e deixou Kieza de frente para o gol. O centroavante, porém, estava em posição irregular e o lance foi anulado. Aos 9, em lance de bola parada, Uelliton levou perigo ao goleiro Dida. Tomou muita distância, cobrou a falta buscando o ângulo esquerdo, mas mandou pela linha de fundo.

Lomba salva e falha
Aos 15, de fora da área, o meia Alex resolveu testar o goleiro tricolor. Mandou uma bomba de fora da área e o arqueiro do Bahia fez grande defesa, mandando para escanteio. Mas, 6 minutos depois, o ccamisa 1 não teve o mesmo sucesso. Falhou feio e foi determinante para mais uma derrota do Bahia.

Wellington Silva chutou de fora e Marcelo Lomba, ao tentar encaixar, mandou para dentro do próprio gol. Frango e Internacional 1 a 0 na Fonte Nova. O gol serviu para abalar emocionalmente o elenco tricolor que não conseguiu mais jogar. Aos 24, após cruzamento, Sasha bateu e Adailton apareceu no meio do caminho para desviar e evitar o pior.

Apático, até o fim do jogo, o Bahia pouco criou. Aos 39, de novo de falta, Uelliton bateu colocado e levou muito perigo. A bola passou rente ao poste esquerdo, mas sem sucesso.

Estava ali, sem conseguir a virada, sacramentada mais uma rodada do Bahia sem vencer no Campeonato Brasileiro, e a despedida de Marquinhos Santos.


FICHA TÉCNICA:
Série A - 12ª rodada
Bahia x Internacional
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 26/07/2014
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Auxiliares: Kleber Lúcio Gil (SC) e Carlos Berkembrock (SC)

Bahia: Marcelo Lomba; Roniery, Adailton, Titi e Pará; Fahel, Léo Gago, Rhayner, Branquinho e Henrique; Kieza. Técnico: Marquinhos Santos.

Inter: Dida; Wellington Silva; Juan, Paulão e Fabrício; Williams, Wellington, Alex, Alan Patrick e D'Alessandro (Sasha); Rafael Moura. Técnico: Abel Braga.

Bahia Noticias