Esporte News

Bahia empata com o Villa Nova-MG na estreia da Copa do Brasil

Mais do mesmo no interior de Minas Gerais. Um Villa Nova-MG perigoso com as jogadas de Mancini e um Bahia sem qualidade técnica e tática dentro de campo. Na estreia dos dois times na Copa do Brasil, um jogo sem grandes emoções e que terminou empatado. Mancini, de falta, abriu o placar para os donos da casa logo no começo da partida. Rafinha, após mais uma jogada do destaque Anderson Talisca, garantiu o placar: 1 a 1.

Com o empate em Nova Lima, os dois times voltam a se enfrentar no dia 17 de abril, na Arena Fonte Nova. No jogo de volta, o time baiano tem a possibilidade de empatar em 0 a 0 que, ainda assim, garantirá a classificação para a próxima fase da Copa do Brasil. Ao Villa Nova-MG só interessa a vitória ou um empate acima de dois gols.

O Bahia agora dá uma pausa na Copa do Brasil. O Tricolor volta para Salvador e inicia a preparação para o clássico Ba-Vi deste domingo. O duelo com o maior rival marca a última rodada da segunda fase do Campeonato Baiano. A partida será às 16h (de Brasília), na Arena Fonte Nova. Já o Villa Nova-MG, fora da semifinal do Mineiro, aguardará o jogo de volta pela competição nacional.

 Vacilo, gol e time desencontrado

O Bahia não teve nem tempo para respirar em campo. Logo aos dois minutos, Marcelo Lomba tentou sair jogando curto com Uelliton, mas o volante errou o domínio e cometeu falta na entrada da área. Na cobrança, Mancini – que teve uma passagem apagada e sem muitas oportunidades no time baiano – bateu colocado e abriu o placar.

Se o retrospecto do Bahia já não tinha grandes apresentações em 2014, a situação ficou ainda pior com o resultado negativo. O Tricolor não conseguiu criar e ainda viu Marcelo Lomba fazer duas importantes defesas para evitar uma derrota parcial ainda maior.

Talisca salva o Bahia mais uma vez

O segundo tempo começou sem muitas mudanças. O time da casa confiava nos lampejos de Mancini. O Bahia sofria para tocar a bola e chegar ao ataque. Rafinha e Jeam entraram no time baiano nas vagas de Marcão e Lincoln, respectivamente. Somente após estas mudanças o Tricolor conseguiu aparecer, de fato, em campo.

Minutos após Jeam chutar com perigo para o gol de Braz, Talisca deu uma grande arrancada e tocou para Rafinha mandar para o fundo das redes. Foi a sétima assistência do meia, que já fez cinco gols nesta temporada. O gol animou o Bahia por alguns minutos, mas nada mudou muito até o final da partida e o classificado para a próxima fase da Copa do Brasil será definido somente após o duelo em Salvador.

Globo Esportes