Esporte News

Botafogo tira invencibilidade do Vitória no Baianão 2013

Há exatos seis dias, o Vitória entrava para a história da Arena Fonte Nova com uma goleada por 5 a 1 sobre o Bahia, no BAVI de inauguração do estádio. Neste sábado  (13), o Rubro-Negro provou do mesmo sabor que impôs ao tricolor.

De volta a Arena, o Leão foi derrotado pelo Botafogo por 1 a 0, pela 14ª rodada do Baianão 2013, e perdeu a invencibilidade na competição. Com o resultado, o time de Caio Jr. ficou com seus 12 pontos ganhos, na liderança do Grupo 2. Já o Mais Simpático, com seu primeiro triunfo, foi aos quatro pontos ganhos e subiu para a terceira colocação do Grupo 1.

Logo aos cinco minutos, o Vitória chegou com perigo ao gol do Botafogo. Mansur fez jogada individual e deixou Escudero livre na cara do gol, mas o árbitro marcou impedimento do meia.

Quatro minutos depois, foi a vez do Mais Simpático assustar. Após cruzamento na área, Diego desviou de cabeça e Deola, à queima roupa, fez uma bela defesa.

Aos 14, foi a vez do goleiro do Bota brilhar. Dinei aproveitou rebote na área e chutou forte para a bela defesa de Caio.
Aos 21, o camisa nove perdeu mais um. Escudero levantou bola na área, Dinei desviou e mandou na trave.

Oito minutos depois, Cardoso também aproveitou um rebote e mandou para o gol. Caio Secco fez mais uma grande defesa.

Se o alvirrubro estava seguro atrás, na frente contou com a ajuda de dois ex-rubro-negros para abrir o placar. Aos 44, Dimas lançou bola na área, Deola não alcançou e Iuri apareceu para balançar as redes do Leão.

Na volta para o segundo tempo, Caio Jr fez logo duas alterações na equipe. Cardoso e Dinei deram seus lugares a Fabrício e Alan Pinheiro, respectivamente.

Mas, a primeira boa chance foi do Botafogo. Alan Henrique arriscou chute de fora da área e Deola evitou o gol com a ponta dos dedos.

Aos 18, Ricardo Silva fez a primeira mudança na sua equipe. Diego, com dores na coxa, saiu para a entrada de Vitinho.

Aos 21 e aos 23, dois jogadores foram expulsos de campo. Renato Cajá, pelo Vitória, e Xavier, pelo Botafogo, ambos por falta dura.

Insatisfeito com a equipe, Caio Jr. Queimou sua última alteração aos 26. Marquinhos entrou no lugar de Fernando Bob.
Aos 30, o próprio Marquinhos fez grande jogada individual e chutou colocado. A bola bateu na trave de Caio.

Aos 38, Caio Secco salvou mais e garantiu a primeira vitória do alvirrubro na segunda fase. Desta vez, o goleiro segurou o chute de Maxi.

O último minuto da partida foi marcado por uma confusão entre os jogadores, que resultou na expulsão de Jeferson e Victor Ramos.

Botafogo-BA 1  x 0 VITÓRIA
2ª fase Campeonato Baiano

Local: Estádio Arena Fonte Nova, em Salvador (Bahia)
Data: 13/04/2012 (sábado)
Horário: 16h
Árbitro: Rafael Luís de Almeida Santos e seus assistentes serão Elicarlos Franco de Oliveira  e Marcos Welb Rocha de Amorim
Cartões amarelos: Cardoso, Escudero, Maxi, Fabricio e Renato Cajá (V); Xavier e Diego (B)
Cartões vermelhos: Renato Cajá e Victor Ramos (V); Xavier e Jeferson (B)
Gols: Iuri (B)
 
Botafogo-BA
Caio; Dimas, Henrique, Gusmão, Jeferson; Totinga, Xavier, Ramon e Iuri; Diego e Wilian (Adauto). Técnico: Ricardo Silva.
 
Fonte: Galaticos
Vitória
Deola; Nino, Victor Ramos, Cardoso (Fabricio), Mansur; Fernando Bob (Marquinhos), Luís Alberto, Renato Cajá e Escudero; Max Biancucchi e Dinei (Alan Pinheiro).  Técnico: Caio Júnior.