Esporte News

TJD pune Renato Cajá com dois jogos de suspensão

Em julgamento realizado na tarde desta sexta no STJD o jogador Renato Cajá acabou sendo punido com apenas dois jogos de suspensão, enquanto Escudero foi absolvido e o treinador Caio Júnior irá cumprir apenas uma partida de suspensão.
 
Os jogadores e o treinador foram julgados pelos incidentes que aconteceram na partida contra o Ceará, quando o time foi derrota por 4 a 1.
 
Com as punições o meia Renato Cajá não poderá atuar nas partidas válidas pela primeira fase da Copa do Brasil, ou seja, não enfrenta o Mixto (MT), enquanto o treinador Caio Júnior não poderá ficar no banco de reservas no jogo de ida contra o time do Mato Grosso.
 
Além disso o Vitória terá que pagar R$ 3 mil pelas confusões após o duelo contra o Ceará.


RESULTADO DO JULGAMENTO
 
Por maioria dos votos, suspenso por duas partidas o atleta Renato Cajá, incurso no art. 258 duplamente (um em cada) ,antes tipificado duas vezes as infrações do art. 254 - A, §3º, do CBJD;
 
Por unanimidade de votos, absolvido o atleta Escudero,  incurso no art. 258 CBJD;
 
Por maioria de votos, suspender por uma partida o técnico Caio Júnior, incurso no art. 258, antes tipificado no art. 243 – F, absolvido nos arts. 243 – C e 243 – B, todos do CBJD;
 
Multado em R$ 3 mil o Vitória, incurso no art. 213, I e II, afastado o §1º, que previa a perda de mando de campo.

Foto: Daniela Lameiro / Justiça Desportiva