Esporte News

Arbitragem de Bahia e o Vitória da Conquista pode ser afastada

O trio de arbitragem que atuou na partida entre o Bahia e o Vitória da Conquista, no Estádio Lomanto Júnior, será afastado pela Comissão Estadual de Arbitragem. A equipe da comissão se reunirá com os árbitros Arilson Bispo da Anunciação, Luiz Carlos Silva Teixeira e Marcos Welb Rocha de Amorim e o presidente da Federação Baiana de Futebol (FBF), Ednaldo Rodrigues, para assistir o vídeo da partida e apontar todos os equívocos da partida.

Só nesta terça-feira (19), o tempo de “molho” dos árbitros que validaram irregularmente os dois gols da partida, que terminou 1 a 1, será oficialmente divulgado pela comissão.

O presidente da FBF, Ednaldo Rodrigues, explicou que não se trata de punição, mas que após a avaliação da comissão, o trio de arbitragem deverá passar por treinamentos técnicos.

“A Federação, através da Comissão, já está com o vídeo da partida e fará a análise de todos os equívocos. Tudo será mostrado detalhadamente aos árbitros. A partir daí, se a comissão assim decidir, eles irão passar por um período de aprimoramento. Não é nenhuma punição, irão fazer treinamentos técnicos”, declarou Ednaldo Rodrigues.

A expectativa é de que o primeiro BaVi do Campeonato Baiano, válido pela quarta rodada da segunda fase, seja apitado por árbitros de fora do estado. Mas, pelo menos por enquanto, Ednaldo Rodrigues, preferiu não “bater o martelo”.

Por: Galaticos