Esporte News

Bahia comemora 24 anos do segundo título nacional

Para muitas pessoas, grande parte frustrada pela não presença da equipe do coração na decisão, a partida entre Internacional e Bahia era apenas mais um domingo de futebol. Para outros, mais precisamente os tricolores, é uma data que ficará marcada para sempre na memória do Esporte Clube Bahia: 19 de fevereiro de 1989.
 
Ao vencer por 2 a 1, com dois gols de Bobô, no Estádio da Fonte Nova, o esquadrão viajou para o Rio Grande Sul com a vantagem do empate, e conseguiu colocar em práticao benefício do regulamento. O resultado sem gols, no Beiro Rio, consagrou o Bahia como único clube nordestino Bicampeão Brasileiro. Data, hoje, que completa 24 anos.
 
Na ocasião, contra o badalado Internacional, o tricolor baiano entrou em campo com a seguinte formação: Ronaldo Passos, Tarantini, João Marcelo, Claudir (Newmar) e Paulo Róbson; Paulo Rodrigues, Zé Carlos e Bobô (Osmar); Gil, Charles e Marquinhos.
 
Antes de levantar o troféu, o Bahia disputou vinte e oito partidas no Campeonato Brasileiro, quando venceu em dezessete oportunidade, empatou três e perdeu apenas oito vezes. O ataque do tricolor, liderado pelo craque Bobô, hoje Superintendente dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), marcou 33 vezes.
 
Relembre o elenco campeão de 88:

Goleiros: Ronaldo, Sidmar e Rogério
Laterais: Tarantini, Maílson, Paulo Robson e Edinho
Zagueiros: João Marcelo, Claudir, Pereira e Newmar
Meias: Paulo Rodrigues, Gil, Bobô, Sales e Zé Carlos
Atacantes: Renato, Osmar, Charles, Marquinhos, Dico e Sandro
 
Fonte: Bahia Notícias