Esporte News

Rubens Cerqueira pode deixar a presidência do Fluminense

Rubem Cerqueira pode deixar a presidência do Fluminense nos próximos dias. O mandatário está passando por problemas de saúde e já teria aconselhado a deixar o comando do clube que estréia no final de semana próximo contra o Jacuipense no Campeonato Baiano 2013.

 O presidente tem problemas cardiológicos e a situação se complicou no último final de semana, quando ele chegou a ficar internado em hospital na cidade de Iaçu, onde tem uma fazenda e passava o final de semana ao lado de familiares. Por conta dessa situação, o dirigente nem pôde acompanhar o amistoso do Fluminense contra o Bahia de Feira na cidade de Conceição do Jacuípe.

 Já de volta a Feira de Santana, o presidente Rubem Cerqueira está passando por uma série de exames e admite que a carga de trabalho esteja sendo muito grande para a sua atual condição. “O clube  (https://sports.bwin.com/pt/) tem muitos problemas para ser administrado, fora o futebol. Existe muito trabalho e pouca gente para trabalhar e na atual circunstância, eu não tenho condição física de continuar. Tenho até recomendação médica para deixar o clube, mas tenho a minha responsabilidade e vou cumprir até quando puder”, afirmou.

 No momento, Rubem Cerqueira conta na sua diretoria com o vice-presidente Augusto Cesar Ribeiro e mais os diretores Emerson Cerqueira e Deraldo Conceição. “É muito pouca gente e precisamos de mais pessoas para ajudar, pois o clube tem muita coisa para se fazer. Estamos organizando o futebol, mas tem outros setores que precisam ser movimentados e não temos feito por falta de pessoal”, reconhece.

 Mesmo não estando muito bem, o presidente deve ir a Salvador amanhã para ter uma reunião na Federação Bahiana de Futebol (FBF), com o presidente Ednaldo Rodrigues, ver a definição dos patrocinadores e de quanto o clube terá de receita para o Baianão 2013. “Tenho que deixar tudo organizado e o que vai acontecer daqui para frente, só Deus é quem sabe. Espero continuar trabalhando para fazer um time competitivo que honre as nossas tradições”, disse o mandatário.

 FONTE: Assessoria do Fluminense de Feira