Esporte News

"Sei que em 2013 estaremos na Série A"

Irreverente, boleiro e sem papas na língua. O diretor de futebol do Vitória, Raimundo Queiroz, é confiança total à frente do clube e no principal objetivo Rubro-negro do ano, subir para a primeira divisão. Queiroz não vê distancia no futebol apresentado pela equipe e os principais concorrente ao acesso.

“O Vitória tem sido criticado por ter jogado mal algumas partidas, mas eu não vejo esses outros clubes jogando assim tão bem. Fiquei sabendo que o jogo do Góias com o Vila Nova foi horrível. O Atlético-PR até hoje depende de alguma jogada do Paulo Baier. Se eu não acreditar que um clube como o Vitória vai subir preciso mudar de profissão. Sei que em 2013 estaremos na Série A e prefiro quebrar a cara depois do que ter medo de falar com o torcedor”, declarou Queiroz, que já foi campeão da Série B 1999 no Goiás.

Perguntado sobre as opções no mercado de treinadores e as especulações da imprensa, o diretor afirmou dedicação total ao clube e a busca pelo novo técnico Rubro-negro.

“Tivemos um contato com Levir Culpi, mas ele deve ficar no Japão mesmo. O Vágner Mancini (que balança no Cruzeiro) não é uma opção. Estamos buscando um nome, mas sem alarde, pois o clube está envolvido em decisões e chegamos na final do estadual. O torcedor pode ter certeza de que todos os esforços estão sendo feitos. Eu falo quatro, cinco, até dez vezes por dia com o Presidente (Alexi Portela Jr.).”, finalizou Raimundo Queiroz.

Fonte: Arena Nordeste