Esporte News

Bahia quer Neto e Uellinton na Série A

Clube investe na contratação de quatro reforços: um zagueiro, dois meias e um atacante, e os dois jogadores do Vitória, o volante Uellinton e o artilheiro Neto Baiano estão nos planos do campeão baiano para a disputa da 1ª Divisão do Campeonato Brasileiro
 
Gozação, sarro de campeão. Pode até ser. Mas o presidente do Bahia, Marcelo Guimarães Filho já vinha demonstrando interesse nos dois jogadores do Vitória, muito antes da decisão do título do Campeonato Baiano, conquistado pelo tricolor, e pode aproveitar seu bom nível de relacionamento com o presidente do rubro-negro, Alexi Portela Júnior, para tentar realizar uma transação que seria inédita para o futebol baiano.

A notícia ganhou força ontem na resenha do meio-dia da Rádio Sociedade, sob o comando de Tony Silva, quando foi divulgado pelo repórter Tony Carneiro, e “referendado” pelo presidente do Conselho Deliberativo do Bahia, Ruy Accioly, que em consequência da polêmica, e das dezenas de manifestações das torcidas, teria ligado para o repórter e confirmado o interesse da diretoria na contratação dos dois jogadores do Vitória, com o aval do Gestor de Futebol, Paulo Angioni, e do próprio técnico Paulo Roberto Falcão, e de que o clube estaria disposto a investir alto para ter os dois jogadores do vice-campeão baiano.

A informação é de que além do Bahia, outros clubes estão interessados na contratação de Neto Baiano, o artilheiro do Estadual com 27 gols, e do Brasil, com 31 gols.

Mas o atacante tem contrato em vigor com o rubro-negro até o final do ano, e a multa para a rescisão contratual seria no valor de R$ 10 milhões. Mas os problemas para a ida de Neto para o Fazendão não são apenas financeiros.

No final do Ba-Vi de domingo em Pituaçu, em uma das muitas desavenças entre jogadores e funcionários do Bahia e do Vitória, Neto Baiano teria acertado um soco no olho de um dos netos de Osório Villas Boas, que prestou queixa de agressão corporal na delegacia, e trocado tapas, socos e pontapés com um dos médicos do tricolor na entrada dos vestiários do estádio.

Além do futebol jogado pelo artilheiro, que fez gols em dois clássicos BA-Vi deste ano, o Bahia estaria dispensando alguns jogadores, entre eles o atacante Jones Carioca, e abrindo mão do atacante Júnior, que teria recebido uma proposta “irrecusável” do Grêmio Barueri para disputar a 2ª Divisão do Brasileiro deste ano.

O tricolor pode também acertar a volta do lateral-esquerdo Dodô, ex-Corínthians, que fez um bom Campeonato Brasileiro no ano passado, até se contundir no jogo contra o Internacional, em Porto Alegre.

O jogador está em Salvador, não acertou a assinatura de contrato com a Internazionale de Milão, viu o Bahia conquistar o título de campeão baiano, e deve ser chamado pelo Gestor de Futebol, Paulo Angioni, para assinar contrato.


Por; tribuna dabahia