Esporte News

Bahia vai usar seu misto contra o Juazeirense

Como acreditar que um time que tem jogadores como Marcelo Lomba, Rafael Donato, Lulinha, Gabriel e Morais entre os titulares pode ser considerado uma equipe reserva? Com a presença de importantes jogadores, não se pode dizer que o tricolor levou um elenco qualquer para o interior.

O mais próximo é de que o Bahia usa seu time “misto quente”, uma mistura de titulares e reservas, no jogo desta noite, contra a Juazeirense, no Estádio Adauto Morais, válido pela 20ª rodada da fase de classificação do Campeonato Baiano.

Tudo pode até estar misturado, mas o Bahia entra em campo com o status de líder isolado do Estadual 2012, única equipe com vaga carimbada para as semifinais. Na última partida válida pelo Campeonato Baiano, contra o Serrano, o tricolor também esteve desfalcado, mas provou que tem um time forte e que não depende apenas dos seus titulares para vencer, superando o adversário por 3 a 2, em Pituaçu.    
 
Dessa vez, com ainda menos opções, contando com apenas 18 jogadores à disposição, pela primeira vez, o técnico Paulo Roberto Falcão não fez mistérios sobre a escalação da equipe do Bahia que enfrentará a Juazeirense hoje à noite. “O ideal seria que todos tivessem em condições.

Mesmo classificado, seria importante manter a estrutura do time. Como não é possível, vamos ter que utilizar jogadores que não vinham jogando. Mas cada um já sabe o que vai fazer no campo. Eu estou confiante. Acho que temos tudo para fazer um bom jogo. Nosso time tem foco”, disse Falcão.
 
Com a ausência de Danny Morais e Titi, o companheiro de Donato na zaga será Diego Jussani, que entrará pela segunda vez como titular na temporada. Para a vaga de Diones, o substituto será Fahel, que retorna de uma suspensão. Já o meia Magno ganha em campo o lugar de Zé Roberto, que foi expulso no último jogo.
 
Um time inteiro sob cuidados médicos
 
O departamento médico do Bahia está cada vez mais cheio. O volante Fabinho, que seria uma opção para o tricolor na partida de hoje, às 22h, contra a Juazeirense, no Estádio Adauto Morais, foi o 12º jogador a deixar a equipe por problemas de saúde. Após se queixar de um incômodo na coxa, ele foi vetado do jogo que será realizado na cidade de Juazeiro.
 
Ao todo, o Bahia conta com 32 jogadores, mas essa noite, apenas 18 estarão à disposição do técnico Paulo Roberto Falcão. Além dos atletas contundidos (Omar, Fabinho, Jéferson, Filipe, Souza, Vander e Titi), três seguem em período de recondicionamento físico (Ávine, Júnior e Hélder) e dois estão suspensos por cartão (Danny Morais e Zé Roberto).
 
Com uma lesão parecida com a de Fabinho, o zagueiro Titi também segue no DM. Ontem, ele fez apenas um leve trabalho físico. Ainda com dores na coxa, o atleta não foi relacionado. Sob cuidados dos médicos do clube, o defensor realizou um exame chamado ‘CQ’, que mede o cansaço físico através do sangue. O resultado foi elevado e por isso foi afastado do grupo. 
 
Para completar o time do Departamento Médico tricolor, o zagueiro Dudu, das Divisões de Base, apresentou uma lesão na cartilagem do joelho. Ele poderia ser uma opção para o sistema defensivo, já que Danny Morais e Titi não estão disponíveis, porém não poderá ser relacionado para o jogo. O meia Morais, recuperado de uma lombalgia, treinou normalmente e está confirmado para o confronto contra o Juazeirense. 
 
Por: Tribuna da Bahia