Esporte News

Vitória joga mal e perde para o Serrano

Jogando um futebol abaixo da média, o Vitória não se encontrou em campo e perdeu mais uma no Baianão, desta vez para o Serrano, por 1 x 0, na noite de quarta-feira (29), no estádio Lomanto Júnior, em Vitória da Conquista. Com este resultado, o rubro-negro, que tem 20 pontos na tabela, permanece na quarta posição e na próxima rodada, a décima segunda, vai encarar o Atlético-BA, no Barradão.



Serrano domina Leão sonolento e sem objetividade
Assim como em outras rodadas, o Vitória iniciou a partida de marcha ré. Desorganizado taticamente, sem objetividade e sonolento na marcação, o rubro-negro deu muitos espaços ao Serrano, que dominou às ações durante os primeiros quarenta e cinco minutos de confronto no Lomantão.

Mas, antes do gol conquistense, quem teve a grande oportunidade de abrir o placar foi o time visitante, aos 21. O meia Arthur Maia achou o lateral-esquerdo Mansur correndo para a linha de fundo e tocou para o garoto, que cruzou certeiro na cabeça de Neto Baiano. O centroavante do Leão testou firme, no contrapé do goleiro Gil, que fez uma linda defesa.

Falhando constantemente no sistema defensivo, o rubro-negro vacilou e sofreu o único gol desta etapa do confronto aos 27. O lateral Gabriel chegou bem na linha de fundo e fez o cruzamento para Ciel. Contudo, o zagueiro Gabriel Paulista chegou antes e meteu o bico da chuteira na bola, estufando as redes de Renan.

Para piorar a situação do Leão, o zagueiro Victor Ramos, que havia falhado no gol do Serrano, pisou no zagueiro após fazer falta e recebeu o cartão vermelho.

Cerezo insiste em formação e volta para Salvador com mais uma derrota
Com um jogador a mais e o duelo sob controle, o Serrano procurou trabalhar mais o controle de bola, não deixando o rubro-negro atacar. Ainda sem muita objetividade, o time da capital insistiu em diversos momentos com jogadas nas laterais, principalmente com Marquinhos, Mansur e Romário.

O técnico rubro-negro, Toninho Cerezo, insistiu muito com o meia Lúcio Flávio, que demonstrou muito desgaste na segunda etapa. A entrada de Róbston ainda deu mais movimentação ao meio de campo do Leão, mas era tarde para a equipe visitante, que ainda perdeu Mansur, expulso depois de receber o segundo amarelo aos 42.

FICHA TÉCNICA

Serrano 1 x 0 Vitória
Local: Estádio Lomanto Júnior, em Vitória da Conquista (BA).
Data: 29/03/2012 (quarta-feira)
Árbitro: Manoel Nunes Lopo Garrido.
Assistentes: Luiz Carlos Silva Teixeira e Dijalma Silva Ferreira Júnior.
Serrano: Gil; Willames, Marcio, Aureliano e Daniel; Joelson, Rubens, Renilton e Léo Mineiro (Nenenzinho); William (Rodrigo) e Ciel (Felipe Adão). Técnico: Ubiraja Veiga.

Vitória: Renan; Romário, Victor Ramos, Gabriel e Mansur; Michel, Mineiro (Dinei), Arthur Maia (Dankler) e Lúcio Flávio (Róbston); Marquinhos e Neto Baiano. Técnico: Toninho Cerezo.
Fonte: Bahia Notícias