Esporte News

Classico hoje no barradão

Para os rubro-negros, que ainda sentem a perda do título do Campeonato Baiano, em 2011, para o seu mais novo rival, uma partida contra o Bahia de Feira tem sabor de revanche.

A primeira chance para descontar o golpe acontece às 17h deste domingo, 5, no Barradão, quando o Vitória terá pela frente um rival não menos perigoso, se comparado ao time que levou a melhor sobre o Leão no torneio do ano passado: desta vez, o Tremendão já chega a Salvador com a moral de quem venceu todos os cinco jogos que disputou no Baianão e como líder absoluto do torneio, com 15 pontos ganhos.

A boa campanha da equipe do interior assusta o rubro-negro? Neto Baiano, artilheiro do campeonato com sete gols, respeita o adversário, mas diz que não: "O Bahia de Feira está com um time certinho e a gente tem muito respeito, mas não temos que temer adversário nenhum", dispara.

O seu time, no entanto, faz uma campanha modesta: é apenas o quarto colocado, com nove pontos ganhos, e não vence há duas partidas. Se superar o time de Feira de Santana, o Leão reduzirá a diferença do líder para três pontos.

Se perder ou empatar, o Vitória pode deixar temporariamente o grupo dos quatro clubes que se classificam às semi finais, desde que o Vitória da Conquista bata o Fluminense, no Joia da Princesa, em Feira de Santana. Qualquer resultado no Barradão mantém o Bahia de Feira na liderança, já que o segundo colocado, o Atlético, tem 11 pontos ganhos.

Leão - O técnico da equipe rubro-negra, Toninho Cerezo, deverá lançar mão de uma nova dupla de ataque: Neto Baiano deverá ter como novo parceiro o atacante Marquinhos, que se recuperou totalmente de lesão na coxa e treinou entre os titulares no coletivo da última sexta-feira, 3, na Toca do Leão.

No setor defensivo, o treinador ainda não sabe se poderá contar com o zagueiro Gabriel Paulista, que já sarou de um edema na coxa, mas ainda é dúvida. Sem Dankler, que cumpre suspensão, Cerezo tem a opção de montar a zaga com os jovens Alan Henrique e Clayton.

Tem sofrido queixas da torcida do Vitória a opção do comandante rubro-negro pela formação do seu meio campo, onde ele tem optado por um esquema com três volantes de origem e um único meia de armação. Para domingo, Cerezo ainda não revelou, mas parece disposto a manter o quarteto formado por Michel, Uelliton, Mineiro e Lúcio Flávio.

Na lateral direita, enquanto Nino Paraíba e Romário aprimoram a forma física, os jovens Dimas e Léo têm se revezado na titularidade. Se no empate contra o Flu de Feira na última quarta-feira, 1, Dimas usou a camisa 2, desta vez Cerezo já sinalizou que Léo será o titular.

Tremendão - Para manter o aproveitamento de 100%, o técnico do Tremendão, Arnaldo Lira, já tem definida a equipe que mandará a campo contra o Vitória desde a tarde da última sexta-feira, 3, quando comandou o último treino coletivo antes da partida.

À exceção do meia Raylan, um dos destaques da equipe, que cumpre suspensão, o comandante do Bahia do interior manterá a mesma base do time que jogou as cinco primeiras partidas e conquistou o primeiro lugar na competição.

Lira já tem certo o substituto para ocupar o lugar de Raylan: o meia Maurício, jovem revelado pelas divisões de base do Bahia da capital e que fará a sua primeira partida como titular pelo Tremendão.

Na linha de frente, Carlinhos forma dupla com o artilheiro da equipe no estadual, o goleador João Neto, que já balançou as redes em seis oportunidades no estadual. O experiente meia Jackson, ex-jogador do Vitória, deverá ficar no banco de reservas.

Vitória X Bahia de Feira - 6ª rodada do Campeonato Baiano 2012.

Local: Estádio Manoel Barradas (Barradão), em Salvador (BA).
Data: Domingo, 5 de fevereiro.
Horário: 17h.
Árbitro: Lúcio José Silva de Araújo.
Assistentes: Dijalma Silva Ferreira Júnior e Carlos Vidal Pereira de Oliveira.

Vitória: Douglas; Léo, Clayton (Gabriel Paulista), Alan Henrique e Wellington Saci; Michel, Uelliton, Mineiro e Lúcio Flávio; Marquinhos e Neto Baiano. Técnico: Toninho Cerezo.

Bahia de Feira: Dionatan; Thiago Granja, Paulo Paraíba, Menezes e Weritinho; Carlos, Lau, Johnattan e Maurício; João Neto e Carlinhos. Técnico: Arnaldo Lira.

Fonte: Atarde